Notícias
Foto: Gabriel Rosa/Clube Curitibano.

Aulas de Surf são apresentadas aos associados

O Clube Curitibano promoveu aos associados a oportunidade de aprender sobre uma modalidade que está em alta no cenário brasileiro: o Surf. Entre os dias 16 e 22 de novembro, 16 participantes toparam o desafio de encarar as aulas práticas que seguem a metodologia da Brasil Surf, empresa parceira do Clube no curso.

Utilizando a estrutura da Sede Barão do Serro Azul, os profissionais ministraram um workshop de três dias, dois deles voltados para os exercícios na piscina semi-olímpica do Parque Aquático. Durante as aulas nas águas, os associados aprenderam as técnicas de remada e subida na prancha, que permitiram que eles aprendessem os movimentos corretos para fazer as curvas, acelerar e até mesmo manobrar sob a água.

“Eu gostei de fazer as aulas na piscina, tanto a parte de condicionamento físico quanto a técnica”, revela o associado Willian Lira, que procurou as aulas de Surf porque gosta de praticar o stand up paddle, outra modalidade que utiliza uma prancha e que é tradicionalmente realizada nas regiões litorâneas do país.

No único dia do workshop longe da piscina, os associados puderam participar de um outro desafio inovador: o simulador de skate. A prática nesse aparato emula toda movimentação do Surf, mas no asfalto, aumentando a consistência corporal do desportista. “O simulador com o skate também foi muito bom porque ajudou a fazer o movimento correto nas aulas com a prancha”, avalia Willian.

Os aprendizados adquiridos nas aulas práticas tinham como objetivo deixar os participantes aptos para o desafio final no litoral de Guaratuba. No sábado e no domingo, os alunos tiveram o contato com o mar no qual puderam colocar em prática tudo que aprenderam na piscina e no simulador de skate.

“Nós desenvolvemos o aluno para que ele possa chegar no final de semana com confiança, bem condicionado e preparado para ter o melhor desempenho na praia’, afirma Vilson Jaques Balioli, sócio-fundador da Brasil Surf.

O profissional ficou impressionado com a quantidade de pais e filhos que se matricularam para realizar as atividades em família. “Ao todo foram cinco famílias, o que correspondeu a mais da metade dos 16 matriculados. Foi bem bacana ver a mãe surfar junto com o filho”, começa Vilson.

“Os pais chegaram um pouco tímidos, achando que não conseguiriam surfar, mas ao final do curso eles ficaram surpresos e alegres com o resultado que tiveram ao conseguir pegar uma onda”.

O Departamento de Esportes monitora a possibilidade de trazer mais aulas de Surf e de outras modalidade aos associados. Devido ao sucesso da primeira edição do curso, o Surf não deve demorar muito para retornar ao Clube Curitibano. “A gente diz aqui na Brasil Surf que tem o bichinho do Surf e quando ele pica, a galera começa a gostar da modalidade”, brinca Vilson.


Confira a galeria de fotos das aulas de Surf no Clube Curitibano:


Leia também:

Associado quebra tabu ao vencer a 5ª etapa do Circuito Online de Texas Hold’em

Aulas de Polo Aquático para jovens associados

Compartilhe

Veja mais

Fique por dentro das novidades