Notícias
Marilene e Vanessa (Foto: Divulgação/El Cruce)

Sócia ganha medalha na corrida de montanha El Cruce

A associada Vanessa Cabrini venceu as geladas montanhas e os vulcões do Chile e da Argentina para conquistar o terceiro lugar geral das duplas femininas no El Cruce, competição que completou 17 anos de existência em 2018. A prova teve o maior número de inscritos da história e 2 mil atletas ficaram na lista de espera para participar dessa corrida que contou com inscritos de 40 países, contemplando todos os continentes.

Cabrini correu ao lado da brasileira Marilene Novacki da Rosa e as duas terminaram os 100 km da prova com o tempo de 14:41.47, somando-se os resultados das três etapas da competição, realizadas de 7 a 9 de dezembro. Na primeira etapa, as meninas correram por mais de seis horas e em outra 10km de neve. Elas repetiram a dobradinha campeã da prova em 2014, quando elas disputaram a categoria Damas B de 80 a 100 anos, somando as idades das participantes.

Com três El Cruce na carreira, entre outras provas de Triathlon – modalidade na qual foi convocada para a Seleção Brasileira -, Vanessa explica que o grande diferencial e o que faz com que os participantes se interessem pela corrida de montanha é o fato do percurso ser sempre diferente.

E é preciso estar preparada para a corrida. Nesta prova, Cabrini subiu dois vulcões e alcançou partes dos trajetos com altimetria superior a 1,9 mil metros. Para isso iniciou os treinamentos três meses antes dedicando-se ao treinamento funcional, com corrida em ladeiras e decidas e percursos off-road.

Ela, que se divide entre aluna e professora, tem o esporte como uma forma de vida. “O importante é estar sempre com os amigos, nos divertindo, conhecendo novos lugares e percursos. É uma forma de viver a vida. O que me emociona é ver que todos os meus alunos conseguiram terminar a prova”, diz a professora campeã.

 

Compartilhe

Veja mais

Fique por dentro das novidades