Notícias
Foto: Kobiyama Photo & Video

Confira como foi o Torneio Braço Forte do Bolão

No dia 19 de outubro, o Torneio Braço Forte do Bolão, que acontece uma vez por ano, trouxe os grupos Albatroz, Invocados e Desesperados para a competição mais difícil do esporte. Além da disputa, uma confraternização e um lanche organizado pela CIB 2019 (Comissão Interna do Bolão) foi servido aos atletas e torcedores.

“Considero a mais difícil do Bolão pela quantidade de bolas que cada jogador tem que jogar”, explica Fernando Cabrera, Presidente da CIB. As mulheres precisam jogar 15 bolas em cada cancha, totalizando 60. Já os homens precisam jogar 20 bolas, totalizando 80. Parabéns aos atletas que encararam o torneio! 

 

Confira os resultados:

Feminino 

1ª) Ana Paula (Albatroz): 513 pontos – média de 8,5 pontos por bola de 9 possíveis

2ª) Evelly ( Albatroz): 500 pontos – média de 8,33 pontos por bola de 9 possíveis

3ª) Maristela (Invocados): 499 pontos – média de 8,31 pontos por bola de 9 possíveis

4ª) Fabiana (Invocados): 492 pontos – média de 8,2 ponto por bola de 9 possíveis

5ª) Mônica (invocados): 488 pontos-  média de 8,13 pontos por bola de 9 possíveis

Masculino  

1º) Paulinho (Desesperados): 711 pontos – média de 8,88 pontos por bola, conseguindo o ponto máximo (180 pontos) na pista C

2ª) André Cassou (Desesperados): 707 pontos – média de 8,83 pontos por bola

3º) Paulo May (Invocados): 697 pontos – média de 8,71 pontos por bola

4º) Branco (Albatroz): 692 pontos – média de 8,65 pontos por bola

5º) Marlus (Invocados): 684 pontos – média de 8,55 pontos

 

Os jogadores que ficaram nas 1ª e 2ª colocações, tanto no feminino quanto no masculino, serão premiados no dia 07 de dezembro, no jantar de final de ano do Bolão.

 

Leia também:

Taquistas disputam o Campeonato Interno Série Ouro de Sinuca 

Associados se reúnem para participar do 6º Relâmpago de Squash

Compartilhe

Veja mais

Fique por dentro das novidades