Notícias
Arte: Jeniffer Gutierres/Clube Curitibano.

Um Centenário de Histórias: Início da Escola de Dança

O “Um Centenário de Histórias” deste domingo vai homenagear a Escola de Dança do Clube. A dança sempre esteve presente em nossos salões. Soirées dançantes alegravam e divertiam as noites dos primórdios do Curitibano, no século XIX.

Mas foi em 1950, na gestão de Joffre Cabral, que as aulas de dança – especificamente de ballet – se tornaram parte da rotina do Clube. Já de início, 130 alunas se matricularam nas aulas da professora Mary Alice Borges Schlögel. Em 1952, as aulas passam a ser na Sede Barão do Serro Azul, então Sede Campestre, sob o comando da ex-bailarina argentina Tereza Padron Siqueira. A profissional integrava o corpo de baile do Teatro Cólon, de Buenos Aires.

Naquele mesmo ano, em 6 de dezembro, aconteceu o primeiro Festival de Ballet do Clube Curitibano, que contou com 14 números apresentados por 11 bailarinas. O Festival se repetiu e ao longo dos anos se transformou. Atualmente, são ofertadas aulas de ao menos quatro modalidades – como jazz, sapateado, hip-hop, ballet clássico – que abrangem várias idades e níveis de dificuldade, e também as companhias de dança. As bailarinas do Clube Curitibano estão sempre nos proporcionando lindos espetáculos.

Não deixe de conferir no site do Clube Curitibano a série de reportagens “Caixa de Memórias”. O especial conta os bastidores dos marcantes espetáculos apresentados pela Escola de Dança nos últimos anos.

Leia também:

Caixa de Memórias: O Mágico Mundo dos Doces

Um Centenário de Histórias: Os Anos 1960

Compartilhe

Veja mais

Fique por dentro das novidades