Notícias
Arte: Alisson Stasiak/Clube Curitibano.

Um Centenário de Histórias: Os Anos 1960

Rock n’roll, mini-saia, Woodstock… Os anos 1960 foram revolucionários em todo o mundo. Foi a década de acontecimentos que mudaram a face das instituições e revolucionaram os costumes da época. O mundo se tornou mais jovem, e o Clube Curitibano também.

Afinada com os costumes da nova geração, a gestão de Mbá de Ferrante (1960-1962) deu início a uma série de atividades diretamente relacionadas aos sócios mais jovens, que se expressavam pela música e pela convivência em grupo. O Curitibano Júnior, que existia desde 1956, passou a ganhar cada vez mais destaque e a impor seu ritmo e suas preferências.

Uma das ações mais importante do Júnior foi o Festival de Maio, que ofertava prêmios, além de uma programação social e esportiva recheada de novidades. É do Festival de Maio de 1965 que trazemos o Centenário de hoje. No dia 20 daquele mês, o Clube Curitibano recebeu a “Noite da Bossa”, com Júlio Rosemberg, Milton Banana Trio e uma jovem cantora que começava sua carreira: Elis Regina.

Leia também:

Um Centenário de Histórias: A Baronesa

Um Centenário de Histórias: O surgimento da Festa da Cerveja

Compartilhe

Veja mais

Fique por dentro das novidades