Notícias
Arte: Alisson Stasiak/Clube Curitibano.

Um Centenário de Histórias: Saudosas Gincanas

Durante quase dez anos, o Clube Curitibano viveu uma época de alto astral que contagiava a maioria dos jovens com provas e competições. Entre 1975 e 1983 aconteceram as famosas gincanas, quando o Curitibano se dividia em equipes que atraiam centenas de adeptos.

Um pequeno grupo de pessoas vindas de diversos ramos de atividades era convidado para elaborar as provas. Tudo era planejado com sigilo, pois se a informação vazasse, a prova iria por água abaixo! Os boletins com as provas saiam sem hora marcada em uma estação AM de rádio. Em seus “QG’s” improvisados, as equipes passavam a noite de plantão, preparadas para entrar em ação a qualquer momento.

Um outro grupo formava a “diretoria” das equipes. Eram as mais variadas tarefas, desde caça ao tesouro até competições esportivas, apresentações artísticas, arrecadação de alimentos e missões “quase” impossíveis! Dentre as missões tinha o saltar de paraquedas, colocar um ovo dentro de uma garrafa sem quebrá-lo, conseguir uma foto de um avestruz com a cabeça embaixo da terra, juntar o maior número de guizos de cascavel e fazer papagaio falar.

Foi uma época que movimentou toda cidade de Curitiba e deixou saudades em quem participou da brincadeira.

Leia também:

Um Centenário de Histórias: Mário Pilotto e suas “reminiscências”

Um Centenário de Histórias: Bem-Vindos ao Inverno

Compartilhe

Veja mais

Fique por dentro das novidades